Páginas

Você é meu convidado

quinta-feira, 28 de junho de 2012

Apenas 1 equipamento gera 1500 infrações diarias

Quero agradecer aos leitores que estão acompanhando este blog para saber as ações que devemos tomar contra este assedio moral que a prefeitura vem fazendo aos cidadãos e munícipes da Cidade de São Paulo.

Como todos já sabem O Radar instalado cumpre o seu papel principal de Gerar Milhões de Multas para a INDUSTRIA DA MULTA instalada pelo seu Ditador Gilberto Kassab através de sua Gestapo a CET.

Continuem enviando suas comunicações no e-mail macnogales@yahoo.com.br

Já é hora de levantar a bunda da cadeira e fazer algo a respeito de tudo isto, porque do contrário, estaremos construindo para nós mesmos uma prisão, ou vamos ficar sentados e ver outros a construírem por nós. Então, ou tomamos uma posição agora, e desenhamos uma linha no chão e decidimos que é até aqui e basta, é até aqui e vamos empurra de volta vocês, ou vamos ficar esperando até que as estruturas do estado fiquem realmente pesadas, onde desenhar uma linha no chão será realmente um ato de bravura!


Parlamentares

O único parlamentar que deu algum retorno a este cidadão, até o momento, foi o Vereador Aurélio Miguel, ontem em reunião com ele, apresentei as varias notificações que os vários munícipes vem recebendo desta ação ditatorial da prefeitura de São Paulo.

Indignado, o Vereador Aurélio Miguel prometeu interceder (já enviou um oficio a CET) para que estas ações da Gestapo CET sejam anuladas, pois, conforme comprovado por este cidadão com auxilio de vários outros cidadãos, levei documentação, fotos e explicações de como opera ilegalmente a instalação destes radares.

Sugiro a todos que façam o mesmo, procurem os parlamentares que receberam seu voto e faça a denuncia.

Nos Jornais

Fomos procurados pela equipe de Jornalismo da Bandeirantes e a noticia foi ao ar neste dia 27 de junho, vejam: (se preferirem acessem meu canal no youtube)


Nova carta enviada aos parlamentares:


Estamos sendo assediados moralmente, estão acabando com o nosso direito de ir e vir, estão liquidando com a democracia e lhes explico como.

A mando do Atual Prefeito da Cidade de São Paulo, vários equipamentos eletrônicos de multa estão sendo instalados de maneira que faça uma maior arrecadação e sem que haja legislação competente para isto. Veja este exemplo:

Avenida Alcântara Machado, logo após o viaduto Bresser
  1. A Avenida sinalizada permite o acesso a direita logo após o viaduto Bresser
  2. A primeira rua após o Viaduto Bresser é a Rua Guarapuava (CEP 03164-150) que é mão dupla
  3. Entre o Viaduto Bresser e a Rua Guarapuava há um equipamento eletrônico para aplicação de infração
  4. O lado direito da Avenida Alcântara Machado é de uso exclusivo de Onibus


A infração que está sendo aplicada é: Art 184 inciso I Transitar na Faixa pista direita regul. Circulação exclusiva determ veiculo, infração comprovada por sistema automático não metrológico de fiscalização.

A questão é que o próprio artigo também diz: EXCETO PARA ACESSO A IMOVEIS LINDEIROS OU CONVERSÃO A DIREITA.

A questão é de que:
  1. Segundo o CNT desde novembro, a prefeitura não é obrigada a avisar da existência deste equipamento, pois caso fosse avisado, com certeza as pessoas que residem na rua Guarapuava, ou que vão até o metro, ou que vão até o Hospital, ou que venham visitar parentes e amigos, ou mesmo façam essa conversão a direita para evitar o transito, não o fariam pois haveria o aviso.
  2. Nenhum equipamento eletrônico de fiscalização é inteligente o suficiente para determinar se o cidadão irá acessar algum imóvel a direita ou mesmo fazer uma conversão a direita.
  3. Arbitrariamente, todos aqueles que seguem a lei e os que não seguem a lei de transito estão sendo enquadrados por este equipamento de fiscalização.
  4. Há um escritório de advocacia que ficou impedido de estacionar seu veiculo em seu próprio estabelecimento devido a esta arbitrariedade.
  5. A prefeitura coloca em seu plano anual a receita a ser atingida com multas de transito, em nenhuma escola de economia ou administração se aprende a fazer planos anuais contando com multas que possam ocorrer.



O que acaba acontecendo:


Segundo informações do próprio CET, o equipamento está instalado corretamente e no local correto. Uma mentira deslavada, pois só está instalado naquele local porque na próxima quadra há um estacionamento para veículos oficiais de juízes estaduais e federais, na quadra seguinte há um estabelecimento comercial gigante, na outra quadra uma revenda de veículos e posto de combustível, e após esta ultima quadra a faixa de ônibus acaba, logicamente, a cidadão que é o que movimenta tudo isto tem de pagar o pato.


Segundo informações de um funcionário do CET que foi sabatinado por moradores da rua, o equipamento vem gerando mais de 1500 notações de infração por dia.


Moradores, Visitantes, funcionários de estabelecimentos comerciais da região e população em geral vem recebendo em média 5 notações de infração, eu mesmo já recebi 16, e tenho noticias de cidadãos que receberam 30.


A única forma do cidadão se defender legalmente é o de recorrer ao JARI, e este, conhecidamente é pelego da CET


Os motivos que levam a prefeitura (elencados por mim).
  1. Segundo noticias nos jornais houve um crescimento de mais de 20% em infrações de transito, não creio que o paulistano tenha desaprendido a dirigir, são equipamentos como o exemplo acima que vem causando uma avalanche de infrações indevidas e ilegais.
  2. Segundo noticias nos jornais houve um aumento de faixa exclusiva de ônibus na cidade, o que não é verdade, uma vez que as faixas já existiam e apenas se tornaram de 24hs
  3. Segundo noticias da própria prefeitura, houve um aumento de arrecadação, a questão que este aumento de arrecadação está intrinsicamente ligada ao aumento de notação de infrações de transito inexistentes, ilegais e imorais.



Resultado de tudo isto

Os cidadãos desta cidade acabam sendo assediados moralmente pela prefeitura, através do CET uma vez que, eu como exemplo, a mais de 2 anos não levo nenhuma multa de transito e em apenas 20 dias recebi 16, assim como eu, toda a população de São Paulo que usa seu veiculo está sendo assediada moralmente, tendo sido cerceado seu direito de ir e vir com seu próprio veiculo em detrimento de encher os cofres públicos da cidade como se fosse uma bexiga de ar, com finalidades obscuras, politicas e com certeza corruptas.

Peço a sua intercedência urgente neste caso, uma vez que se não pararmos agora este tipo de governança, em breve estaremos sob o jugo de um estado ditatorial.

Precisamos que estes equipamentos sejam desinstalados
Que seja feita uma sindicância no CET para determinar os motivos
Até mesmo uma instauração de inquérito policial contra a prefeitura

"O que me preocupa não é o grito dos maus, mas sim o silêncio dos bons." Martin Luther King.



sábado, 23 de junho de 2012

Multas na Radial Leste NÃO SERÃO CANCELADAS

Em minha postagem anterior demonstrei em como a prefeitura de São Paulo vem praticando atos irregulares de aplicação de multas contra os cidadãos e munícipes desta cidade.

Vamos aos Fatos:

O equipamento multador está instalado na Avenida Alcântara Machado, sentido bairro centro exatamente entre o Viaduto Bresser e a Rua Guarapuava

Para você ir ao comercio local, ao Hospital Salvatus, ao Metro Bresser, a sua Casa, à Casa da sua namorada, Visitar Amigos, ir para Faculdade Anhembi Morumbi, uma das alternativas para evitar o transito da Radial Leste e o Transito da rua Bresser é exatamente a Rua Guarapuava.

Até o dia de ontem a linha tracejada para conversões a direita se encontrava apenas sob o Viaduto Bresser, logo, você deveria percorrer exatos 103 metros até chegar à Rua Guarapuava, e bem no meio está o radar um pouco antes do semáforo existente para pedestres. (digo antes, porque hoje a noite fizeram uma correção que gera perigo de colisão que vocês verão mais adiante)

Fazendo isto o que acontece:

Você recebe uma Notificação no enquadramento 56900 que é Transitar na faixa ou pista da esquerda com regulamentação de circulação exclusiva para determinados veículos Art. 184, II, CTB  que diz:

Transitar com o veiculo:
II - na faixa ou pista da esquerda regulamentada como de circulação exclusiva para determinado tipo de veículo. Infração Grave  e seu valor é de R$ 127,69 e 5 pontos no prontuário.

Após a denuncia deste cidadão, enviando cartas a vários parlamentares e agencias de noticias, assim com também fui procurado pessoalmente e pela internet por vários outros cidadãos que começaram a também falar com os parlamentares que elegeram, ligaram para o CET e tantas outras ações,  temos, segundo as noticias nos jornais impressos e televisivos que:


ESTA MULTA É IRREGULAR E QUE O CET NÃO FARÁ A DEVIDA CORREÇÃO!


Ou seja: estas multas serão trocadas por outras com o artigo correto que é: 


I - na faixa ou pista da direita, regulamentada como de circulação exclusiva para determinado tipo de veículo, exceto para acesso a imóveis lindeiros ou conversões à direita. Infração - leve; e o seu valor é de R$ 53,20 e 3 pontos no prontuário. Porém próprio artigo diz que os que irão fazer a conversão a direita não devem ser multados conforme grafei acima.


NÃO HÁ EQUIPAMENTO ELETRÔNICO INTELIGENTE PARA DETERMINAR QUEM IRÁ ENTRAR A DIREITA.


O equipamento simplesmente é programado para anotar e fotografar todos os carros que estejam na faia de ônibus sem excessão. Logo a própria notação como infração já se torna irregular, não é uma questão de pontuação na sua carteira, é uma questão de lógica!


O que os Jornais andam informando é de que a MULTA SERÁ CANCELADA, quando na verdade SERÁ RETIFICADA. Isto demonstra mais uma vez que mesmo o chamado quarto poder está trabalhando a favor da prefeitura da cidade de São Paulo. E você deve estar se perguntando o porque faço esta afirmação.






LINGUAGEM COMO FORMA DE IMPOSIÇÃO




Existe um negocio chamado PNL (programação neuro Lingüística) que é justamente uma questão de linguagem que faz o nosso cérebro trabalhar de uma determinada forma: quando há uma informação com aparência correta porem com distorção idiomática, o cérebro por não compreender corretamente, tende a aceitar a situação para que ei, você, nós não façamos nada e aceitemos a situação, pois vejam:

 
Ao afirmar que a infração será cancelada de pronto entendemos o seguinte: 

1. Inutilizar com traços ou nota à margem (uma escrita, registo, etc.). 
2. [Direito] Fechar (um processo que se arquiva). 
3. [Figurado] Tornar sem efeito.

Porém de Fato e informado pelos próprios jornais a multa será Retificada, ou seja, vão trocar as multas pelo inciso "correto" e por esta Retificação entendemos o seguinte:

1. Fazer uma correção. = CORRIGIR, EMENDAR
3. Responder a uma asserção menos verdadeira para restabelecer a verdade dos factos.

Foi a partir do raciocínio lógico cerebral que inventaram os computadores e com estas duas afirmações o CANCELAR e o RETIFICAR onde uma anula a outra, a tendencia de nosso cérebro, assim como qualquer outro programa de computador (a alusão ao computador é apenas de forma ilustrativa para que se possa compreender) quando a linhas de programação que competem pelo comando ocorre um erro no programa, uma falha no sistema e da mesma forma que num programa de computador aparece a mensagem: "SYSTEM FAILURE" e o programa trava. No nosso caso, não travamos (logico), mas instintivamente paramos de pensar no problema e aceitamos como certo.

Mas como você identificou esse erro de programação, de imediato o cerebro corrige a informação e te faz enxergar o obvio que é: ELES NÃO VÃO CORRIGIR O PROBLEMA, só vão te cobrar mais barato.


AINDA ASSIM O EQUIPAMENTO CONTINUA ERRADO (E DE PROPÓSITO)

O Radar Instalado
Lhes explico: Nenhum jornal, impresso ou televisivo ou de radio, coloca a seguinte questão: no proprio Art 184 inciso I está escrito: exceto para acesso a imóveis lindeiros ou conversões à direita.

Utilizando um pouco da massa encefálica, mais conhecida como cérebro (e em algumas gírias: o tutano da cabeça). Nenhum equipamento eletrônico é inteligente o suficiente para saber quem vai a imóveis ou fará conversões a direita, logo, o equipamento foi colocado exatamente ali para gerar multas ilegais, imorais e irregulares propositalmente, fazendo disto, uma maquininha de gerar recursos para a prefeitura, pois vejam:

1) O equipamento está instalado a 50 metros de uma conversão a direita onde há, em sua grande parte, moradores;

2) se o equipamento for instalado a 100 metros adiante quem vai reclamar é o próprio JUDICIÁRIO porque há, ali, um estacionamento dos veículos de juízes e desembargadores;

3) se o equipamento for instalado 100 metros após o estacionamento do Judiciário quem vai reclamar e a DiCicco.

4) uma quadra após a DiCicco, há uma revenda de Automóveis e um posto da Shell e serão eles que vão reclamar

Uma quadra após a revenda e o posto de combustíveis a faixa segue apenas por mais 100 metros e não há nada por lá e apenas uma rua de saída da Faculdade Anhembi logo após o termino da faixa.

Ou seja: o Engenheiro responsável pela instalação sabia exatamente o que estava fazendo e com certeza recebeu uma ordem por escrito para instalar o equipamento em algum lugar após o viaduto Bresser e o único lugar que é onde há, supostamente, os indivíduos mais fracos e exatamente onde foi instalado.

Na realidade, após o viaduto Bresser não há como instalar algum equipamento eletrônico de notação de infração, o único equipamento eletrônico que possa ser instalado a partir do viaduto Bresser é o de fiscalização de velocidade e obviamente este equipamento registrará pouquíssimas multas do lado direito da Avenida.

Nenhum morador ou qualquer outro cidadão que acesse o lado direito onde está o equipamento seria idiota o suficiente para ver o radar e achar que será multado porque vai entrar a direita, só a ideia é tão absurda que somente um retardado, imbecil, louco faria o mesmo erro diversas vezes. Este equipamento registrou em vários casos, 3, 4, 8, 14, 20 30 vezes o mesmo veiculo fazendo a mesma coisa.

NÃO TENHA MEDO

Os governantes sabem muito bem o que fazem e como fazem, e em sua grande maioria, no mundo todo, os governos trabalham com os medos das pessoas para fazerem o que querem e como querem.

A muito tempo atras as leis eram feitas com base nos costumes de uma população, assim, se uma população tinha o hábito de atravessar a rua descalço, aqueles que o fizessem de calçados seria ilegais (apenas um exemplo ilustrativo). Hoje as leis são feitas de forma de imposição do governo a favor de carteis que mandam, a população hoje serve apenas como números, assim como o gado, somos seu rebanho de investimento, e desta forma, para que possamos reagir apenas da maneira que mais convém aos governos tratam de nos manter com MEDO CONSTANTE de tudo e de todos.

Multas são exatamente isto, te fazem sentir medo se infringir alguma lei de transito, mesmo que a sua infração seja justa e correta devido a alguma necessidade que você tenha, de nada vale, pois a multas foram colocadas ali para que você tenha medo de infringir as leis, e em vários casos, estas leis não expressam os verdadeiros costumes e sentimentos de nossa população.

Quando sentimos medo, nosso cérebro funciona de uma maneira diferente, ele apenas RE-AGE ele não AGE. o ato de RE-AGIR e um ato de defesa de nosso próprio sistema, reagimos sem pensar muito para solucionar um problema, isto fica mais obvio quando você sente aquele medo de susto com alguma coisa, de formas diferentes mas com a mesma finalidade, quando nos assustamos fugimos do local, gritamos para espantar a figura que nos causou o suso e alertar os demais, e até nos defendemos fisicamente pois acreditamos que estamos em perigo de vida. Em nenhum momento de susto e medo raciocinamos corretamente e verificamos o que de fato acontece, se assim o fizéssemos determinaríamos o real perigo e AGIRÍAMOS de acordo com a necessidade, utilizando por completo todas as nossas faculdades.

Como temos medo destas multas e das implicações que geram como a pontuação no prontuario do motorista nossa primeira reação é o de fazer o que eles querem e como querem que é o de recorrer ao Jari, e obviamente o Jari, como órgão subalterno do CET, não vai sequer ler o que você escreve, apenas e tão somente checará e ira deferir em favor da própria CET, mais obvio que isto impossível, logo a aplicação da infração permanece, e nós como temos o medo embutido em nossas mentes aceitamos passivamente esta imposição.

A PREFEITURA DEVE SERVIR O CIDADÃO E NÃO SE SERVIR DO CIDADÃO

Todas as vezes que cometemos erros (segundo as leis) ou infrações, somos responsabilizados com a totalidade e o peso completo da lei, não basta nosso pedido de desculpas e de que não faremos mais, os governos nos impõe esta forma para que todos aceitem suas exigibilidade. Os governos se esquecem que nós, cidadãos, somos muito poderosos, pois somos numerosos, ganhamos deles em números e ganhamos deles moralmente, portanto, não devemos temer os governos, eles é que devem nos temer e respeitar, somos nós que pagamos seus salários, somos nós que os colocamos onde estão.


Vejam as ações que não só este cidadão, mas vários outros, sem que haja nenhum plano, sem que haja nenhuma conversa, apenas e tão somente uma vontade de ser correto, fazer o correto, e que sejam corretos conosco:

1) Confecção de vídeo demonstrando o erro da instalação
2) Cartas a Parlamentares e a Imprensa em Geral
3) Solicitações de verificação de instalação do equipamento junto ao CET

Estamos agora nos juntando, pois faremos com o CET o mesmo que fazem conosco: Não aceitaremos pedido de desculpas apenas, vamos exigir também a mesma aplicação de multas a nosso favor. Você que foi lesado por este radar entre em contato comigo, estou reunindo nomes e as notificações das infrações façam contato pelo macnogales@yahoo.com.br.

O que já conseguimos:

1) A intervenção de parlamentares no caso
2) Noticiado no Estadão, Folha, TVT e Gazeta (ainda haverão mais, tenho certeza)
3) a Confirmação do CET de que o equipamento está instalado em local errado
4) abertura de sinalização de conversão a direita (muito curta por sinal)

O que Queremos

Apenas justiça, ética e moral
1) Que o equipamento seja desinstalado do local
2) Que todas as notações de infração sejam CANCELADAS de fato
3) Que a pessoa que determinou a instalação seja devidamente culpada
4) Indenização por assedio moral, por infração à lei, e por imposição ditatorial



abaixo estão as atualizações, noticias e ações


Meu Vídeo no Youtube

a Noticia na TVT

Não recebi nenhuma notificação de que já foi corrigido


A noticia na Gazeta

Não serão CANCELADAS serão RETIFICADAS
Ainda assim continuam errando, segundo o jornal será aplicação de multa Média e na verdade é Leve


No Estadão
Na Folha

No R7


Na Band


Atualização em 26/06/2012


Reportagem

Hoje esteve aqui uma equipe da Bandeirantes fazendo uma reportagem sobre o tema e sairá amanhã no programa do Facciolli, mas sem duvida a ação popular é a que mais conta, por tanto procurem os parlamentares que receberam seu voto e exija o direito constitucional, você não é reu, é vitima!





Advogado

O Advogado José Paulo é uma das pessoas que mais está sendo penalizada por isso, não pode deixar seu carro no seu escritorio porque: 1) Se fizer o correto toma multa por invadir a faixa de Onibus, e 2) se fizer a entrada após o radar toma multa por cruzar a faixa continua. o e-mail do edvogado é jpscannapieco@uol.com.br.

Ele pede a todos que faça o recurso da multa e enviem pelo correio com Aviso de Recebimento (AR) e anotem no AR o numero do protocolo da infração que você recebeu. Uma a Uma, se forem 30, serão 30 recursos, cada uma devidamente identificada no AR. Não sendo deferido seu recurso, cabe uma ação contra o CET

quarta-feira, 6 de junho de 2012

Prefeitura de São Paulo mais uma vez Phooodendo com a vida do cidadão

Todos os veiculos que quiserem entrar na rua Guarapuava que é mão dupla pela Alcantara Machado estão sendo multados por trafegar em faixa exclusiva de ônibus, maravilha para os cofres publicos.... mais uma vez a prefeitura phooodendo com a vida do cidadão!


(tenho a hipotese de que na prefeitura há um departamento que apenas existe para pensar em como arrancar o dinheiro da população de forma legal, e nós já sabemos o que eles fazem com esse dinheiro...)

Veja que nem o CET sabe o que está falando pois, a infração de acordo com a CTB está correta, uma vez que o LOCAL esta errado. Esta faixa de rolagem é ao lado DIREITO, na Av Radila Leste, a multa veio como infração ao lado ESQUERDO !!! 

Digo que a infração é inconstitucional devido ao uso correto do próprio Codigo Brasileiro de Transito:

Art. 184. Transitar com o veículo:
I - na faixa ou pista da direita, regulamentada como de circulação exclusiva para determinado tipo de veículo, exceto para acesso a imóveis lindeiros ou conversões à direita: Infração - leve; Penalidade - multa;

Como moro na Rua Guarapuava, necessito adentrar na faixa para converter a direita. Indústria da multa e desespero do Prefeito Gilberto Kassab em demonstrar, próximo de eleições, que ele está regulamentando tantos quilometros de faixa exclusiva de onibus e assim lesando os cidadãos.

A Multa que está sendo aplicada é:
















E a Prefeitura persiste e insiste na sua industria de multas ilegais, veja a Gazeta informando que serão "CANCELADAS" quando na verdade serão "RETIFICADAS".

Além da multa ser ilegal, a retificação será ainda mais ilegal, abuso de poder na cabeça. Todos os motoristas devem procurar seus advogados e processar a prefeitura por assédio moral! (22/06/12)











Já anotem os dados para os respectivos recursos de multa
A sinalização obrigatória referente entrada a direita não está corretamente instalada, dentro das normas do CONTRAN, através da Resolução 079/98. Tal fato caracteriza-se como desrespeito total à segurança e aos direitos do cidadão. Deve-se ressaltar o caráter educativo do Código de Trânsito Brasileiro, evitando transformá-lo simplesmente em um mecanismo de arrecadação.

2) A Rua Guarapuava, no trecho compreendido entre a Av. Alcântara Machado e a Rua Frei Gaspar é de mão dupla.

3) O Art. 38. Antes de entrar à direita ou à esquerda, em outra via ou em lotes lindeiros, o condutor deverá: I - ao sair da via pelo lado direito, aproximar-se o máximo possível do bordo direito da pista e executar sua manobra no menor espaço possível;

4) O local onde está instalado equipamento 9904106-FX6, está a menos de 50 metros da conversão a direita para entrar na rua Guarapuava e não está corretamente instalada, dentro das normas do CONTRAN, através da Resolução 079/98. Tal fato caracteriza-se como desrespeito total à segurança e aos direitos do cidadão. Deve-se ressaltar o caráter educativo do Código de Trânsito Brasileiro, evitando transformá-lo simplesmente em um mecanismo de arrecadação.

5) Anexo foto de satélite via Google Maps pela internet comprovando o Ponto A, localização do equipamento 9904106-FX6 e ponto B a rua Guarapuava.




Clique na imagem para ampliar
Clique com o botão direito para baixar




Carta que está sendo levada a Parlamentares que receberam o voto de minha familia para a câmara, para a Assembleia e para o Congresso: Aurélio Miguel (Vereador SP), Ricardo Teixeira (Vereador SP), Carlos Alberto Bezerra (Deputado Estadual SP), Penna (Deputado Federal) Eduardo Suplicy (Senador), Aloysio Nunes (Senador).






DENUNCIA DE ABUSO DE PODER E ATOS IRREGULARES E ILEGAIS
Por parte do Departamento de Transito de São Paulo
Da Prefeitura Municipal de São Paulo


São Paulo, 18 de junho de 2012

Prezado Senhor 

Como seu eleitor, venho lhe encaminhar esta denuncia de abuso de poder por parte da Prefeitura municipal de São Paulo, através de seu departamento de controle de transito.

FATOS

Nestes últimos dias houve algumas modificações na sinalização de transito na Avenida Alcântara Machado compreendido entre o viaduto Bresser e a Rua do Hipódromo.

1)      A faixa de Ônibus de uso exclusivo antes era em horários predeterminados pela manhã, proibindo sua utilização no período compreendido das 7hs às 10hs da manhã no sentido centro, hoje este uso exclusivo é de 24hs.
2)      Houveram mudanças na sinalização pintada na via atribuindo este uso exclusivo assim como a sinalização por placas.
3)      Existência da sinalização de conversão a direita a partir do viaduto Bresser com sentido centro para veículos que assim forem entrar a Direita
4)      Existência de sinalização semáforo a aproximadamente 50 metros do viaduto Bresser com sentido centro
5)      Existência de equipamento eletrônico de marcação de infração de transito a aproximadamente 5 metros antes da sinalização do semáforo indicado no item 4
6)      A Rua Guarapuava de CEP 03164-150 está a aproximadamente 100 metros após o viaduto Bresser sentido centro e a aproximadamente 50 metros após o semáforo indicado no item 4 e equipamento eletrônico de marcação de infração de transito indicado no item 5
7)      A Rua Guarapuava de CEP 03164-150 é de mão dupla, permitindo a sua conversão a direita.

CODIGO DE TRANSITO BRASILEIRO
O CTB em seu capitulo III diz:

Art. 28. O condutor deverá, a todo o momento, ter domínio de seu veículo, dirigindo-o com atenção e cuidados indispensáveis à segurança do trânsito.
Art. 29. O trânsito de veículos nas vias terrestres abertas à circulação obedecerá às seguintes normas:
I - a circulação far-se-á pelo lado direito da via, admitindo-se as exceções devidamente sinalizadas;
II - o condutor deverá guardar distância de segurança lateral e frontal entre o seu e os demais veículos, bem como em relação ao bordo da pista, considerando-se, no momento, a velocidade e as condições do local, da circulação, do veículo e as condições climáticas;
IV - quando uma pista de rolamento comportar várias faixas de circulação no mesmo sentido, são as da direita destinadas ao deslocamento dos veículos mais lentos e de maior porte, quando não houver faixa especial a eles destinada, e as da esquerda, destinadas à ultrapassagem e ao deslocamento dos veículos de maior velocidade;
V - o trânsito de veículos sobre passeios, calçadas e nos acostamentos, só poderá ocorrer para que se adentre ou se saia dos imóveis ou áreas especiais de estacionamento;
Art. 34. O condutor que queira executar uma manobra deverá certificar-se de que pode executá-la sem perigo para os demais usuários da via que o seguem, precedem ou vão cruzar com ele, considerando sua posição, sua direção e sua velocidade.
Art. 35. Antes de iniciar qualquer manobra que implique um deslocamento lateral, o condutor deverá indicar seu propósito de forma clara e com a devida antecedência, por meio da luz indicadora de direção de seu veículo, ou fazendo gesto convencional de braço. Parágrafo único. Entende-se por deslocamento lateral a transposição de faixas, movimentos de conversão à direita, à esquerda e retornos.
Art. 36. O condutor que for ingressar numa via, procedente de um lote lindeiro a essa via, deverá dar preferência aos veículos e pedestres que por ela estejam transitando.
Art. 38. Antes de entrar à direita ou à esquerda, em outra via ou em lotes lindeiros, o condutor deverá:
I - ao sair da via pelo lado direito, aproximar-se o máximo possível do bordo direito da pista e executar sua manobra no menor espaço possível;
Art. 43. Ao regular a velocidade, o condutor deverá observar constantemente as condições físicas da via, do veículo e da carga, as condições meteorológicas e a intensidade do trânsito, obedecendo aos limites máximos de velocidade estabelecidos para a via, além de:
I - não obstruir a marcha normal dos demais veículos em circulação sem causa justificada, transitando a uma velocidade anormalmente reduzida;
II - sempre que quiser diminuir a velocidade de seu veículo deverá antes certificar-se de que pode fazê-lo sem risco nem inconvenientes para os outros condutores, a não ser que haja perigo iminente;
III - indicar, de forma clara, com a antecedência necessária e a sinalização devida, a manobra de redução de velocidade.

OCORRENCIA
Dado ao fato da instalação do equipamento eletrônico de marcação de infração de transito, todos estes artigos do CTB estão sendo proibidos pelo Departamento de Transito de São Paulo uma vez que ao usar a faixa de rolagem de uso exclusivo de ônibus que é permitido para entradas a direita, seja para ir ao comercio local ou entrar na Rua Guarapuava, de mão dupla, os veículos que assim o fazem estão sendo eletronicamente sendo enquadrados:
1)      No código 56900; que implica “transitar na faixa/pista da esquerda – circulação exclusiva
2)      Do Art. 184 do CTB. Transitar com o veículo:  I - na faixa ou pista da direita, regulamentada como de circulação exclusiva para determinado tipo de veículo, exceto para acesso a imóveis lindeiros ou conversões à direita.
Mesmo pelo artigo 184, que não vem sendo respeitado, uma vez que:
1)      O engenheiro responsável do departamento de transito esteve no local para designar exatamente o ponto de instalação do equipamento, uma vez que, segundo noticias, o morador do local proibiu a pessoa que foi instalar o equipamento o fizesse em sua porta de entrada na Avenida Alcântara Machado.
2)      A Rua Guarapuava está claramente sinalizada como rua de mão dupla e com bastante proximidade após o equipamento.
Este equipamento vem gerando infrações e multas irregulares demonstrando claramente uma vontade explicita do Executivo Municipal de gerar a indústria da multa para fins obtusos e obscuros. Além do mais, as infrações devem ter caráter educativo e não punitivos, mas uma vez demonstra a clareza de ações do executivo do município com faces ditatoriais e de imposição de suas vontades em nada trabalhando para os munícipes.

Eu como exemplo disto, até a presente data recebi mais de 12 notificações de infração desta irregularidade sendo que sou residente e domiciliado na própria Rua Guarapuava, meus cunhados untos já receberam mais de 5 notificações, vizinho pelo qual conversei já receberam cada um mais de 2 notificações, transeuntes que conversei foram varias vezes notificados, fiz uma filmagem do local dos fatos e disponibilizei pela internet pelo youtube em meu canal macnogales como denuncia e munícipes já fizeram contato por e-mail e/ou se manifestaram dizendo que receberam esta mesma notificação

Discordo completamente destas infrações devidos aos fatos apontados e a legislação existente, ainda mais com os motivos obscuros que apresenta o departamento de transito da prefeitura de São Paulo e responsabilizo pessoalmente a figura do engenheiro responsável pela instalação de tal equipamento e o prefeito da cidade o Sr. Gilberto Kassab por determinar a industrialização das multas desta cidade, coisa que nunca fora visto antes no montante que se apresenta nos últimos anos. Além de restringir o meu direito como cidadão que tenho a estar habilitado a dirigir, uma vez que as quantidades de infrações que me foram atribuídas ultrapassam o limite de pontuação da regulamentação vigente, proibindo este direito que tenho sem que tenha causado nenhuma infração não só a mim como a todos os cidadãos que receberam a mesma infração irregular e ilegal.

Para tanto, venho solicitar a este parlamentar sua intervenção urgente no tema para que as seguintes ações sejam tomadas:

1)      Desinstalação imediata do equipamento eletrônico de fiscalização de transito no local atual que se apresenta, e instalando no local correto que deve ser após a Rua Guarapuava no sentido centro já que as duas próximas ruas não dão acesso à direita.

2)      Cancelamento imediato de todas as infrações geradas pelo equipamento citado no item 1, a partir de sua ativação no local, uma vez que ficou claro a total irregularidade e ilegalidade de todas as infrações registradas.

3)      Que o engenheiro responsável pela instalação do mesmo seja devidamente notificado e punido por seu ato irregular e ilegal.

4)      Que a Prefeitura de São Paulo seja devidamente responsabilizada por este ato, o qual gera não somente gasto público desnecessário como uma avalanche de solicitações de cancelamento de multa onerando ainda mais o município.

5)      Que o Diretor ou Responsável pelo departamento de transito juntamente com o prefeito Gilberto Kassab seja responsabilizado diretamente por terem autorizado tal ato ilegal.
6)      Que os munícipes que foram lesados por tal ato ilegal sejam indenizados na forma da lei pela prefeitura do Município de São Paulo.

7)      Que os responsáveis se desculpem publicamente por tal ato vexatório contra os munícipes e cidadãos que foram lesados.

Anexo a esta vão cópias de todas as notificações que recebi até o presente momento e não tenho duvidas que ainda mais aparecerão, o que me deixa ainda mais vexado é o fato de não possuir nenhum ponto em minha habilitação já que procuro seguir todas as regulamentações de transito.


Noticia no Estadão



Multas de radar na Radial serão canceladas


Todas as multas aplicadas por um radar instalado na Radial Leste, na pista sentido centro, entre o Viaduto Bresser e a Rua Guarapuava, estão incorretas e devem ser canceladas. O radar registrava a infração fiscalizada pela máquina - invasão da faixa exclusiva de ônibus - de forma incorreta por um erro de programação. A Prefeitura disse que o erro já foi corrigido, mas não informou o número de motoristas prejudicados - o 'Estado' apurou que podem ser até 15 mil.

"O Departamento de Operação do Sistema Viário (DSV) enviará uma nova comunicação para os motoristas autuados por esse equipamento com a especificação correta da infração. Caso alguma multa tenha sido paga, a diferença no valor será reembolsada", disse nota da Prefeitura enviada à imprensa ontem.

A Prefeitura não deixou claro se o motorista que está com a multa em mãos deve desconsiderar a infração e aguardar a nova autuação ou se deve pagar e pedir reembolso.

Veja a noticia completa no Estadão


Opinião do Cezar




Como já disse antes, a multa é irregular pois está a 50 metros de uma entrada a direita, os engenheiros do CET dizem que o local está perfeitamenet correto, só se esqueceram de dizer que: ESTÁ CORRETISSIMO PARA COMO MEIO DE FATURAMENTO DA PREFEITURA



Do Art. 184 do CTB. Transitar com o veículo:  I - na faixa ou pista da direita, regulamentada como de circulação exclusiva para determinado tipo de veículoexceto para acesso a imóveis lindeiros ou conversões à direita


E para quem ainda não sabe, é o planejamento de receitas e despesas da prefeitura, leva em conta a receita com multas, logo, se torna uma meta da prefeitura atingir ou sobrepassar esta "arrecadação"